segunda-feira, 18 de abril de 2011


Outra vez no Teatro

Pela segunda vez neste ano acompanho os alunos do Mundim ao Teatro de Bolso Ceci Pinheiro. Desta feita fomos assistir a peça “Fragmentos QuintanAndo” encenada pelo ator Semio Carlos. Uma peça metalinguística, se é que posso classificá-la assim, pois o ator traça um diálogo monológico com o iluminador do palco enquanto espera a chegada do diretor para o ensaio de uma peça baseada em fragmentos da obra de Mário Quintana. Com isso, o público é convidado para juntamente com o talentoso ator fazer uma reflexão sobre a criação teatral. No encerramento da peça temos a voz do próprio Mário Quintana, recitando seu célebre Poeminha do contra:

Todos estes que aí estão

Atravancando o meu caminho,

Eles passarão.

Eu passarinho!

Esta é a segunda peça que assisto tendo Semio Carlos como protagonista principal, a primeira fora Poética Bancária. O ator deu um show de interpretação em ambas as peças. Ele se mostra muito solicito com nosso Mundim, sempre nos convida a prestigiar suas peças e demais peças teatrais.

Um fato que me chamou atenção neste nosso passeio cultural foi à presença de uma mãe, aluna do Mundim, e de seus três filhos, também alunos da escola; uma mãe que sabe da importância da cultura em sua vida e na vida de seus filhos. É o nosso Mundim outra vez no Teatro.





2011-04-18

Nenhum comentário:

Postar um comentário

segunda-feira, 18 de abril de 2011


Outra vez no Teatro

Pela segunda vez neste ano acompanho os alunos do Mundim ao Teatro de Bolso Ceci Pinheiro. Desta feita fomos assistir a peça “Fragmentos QuintanAndo” encenada pelo ator Semio Carlos. Uma peça metalinguística, se é que posso classificá-la assim, pois o ator traça um diálogo monológico com o iluminador do palco enquanto espera a chegada do diretor para o ensaio de uma peça baseada em fragmentos da obra de Mário Quintana. Com isso, o público é convidado para juntamente com o talentoso ator fazer uma reflexão sobre a criação teatral. No encerramento da peça temos a voz do próprio Mário Quintana, recitando seu célebre Poeminha do contra:

Todos estes que aí estão

Atravancando o meu caminho,

Eles passarão.

Eu passarinho!

Esta é a segunda peça que assisto tendo Semio Carlos como protagonista principal, a primeira fora Poética Bancária. O ator deu um show de interpretação em ambas as peças. Ele se mostra muito solicito com nosso Mundim, sempre nos convida a prestigiar suas peças e demais peças teatrais.

Um fato que me chamou atenção neste nosso passeio cultural foi à presença de uma mãe, aluna do Mundim, e de seus três filhos, também alunos da escola; uma mãe que sabe da importância da cultura em sua vida e na vida de seus filhos. É o nosso Mundim outra vez no Teatro.





2011-04-18

Nenhum comentário:

Postar um comentário