sexta-feira, 4 de junho de 2010

O que está faltando ao nosso Atlético?

É decepcionante ver o nosso Atlético na última colocação do Brasileirão. O time não é dos piores, conta com bons valores, a começar com um técnico de peso, aliás, literalmente bem pesado(como está pançudo o Geninho). Entretanto, o time não conseguiu uma simples vitória se quer, apenas um frustrante empate com o Grêmio em casa.
No clássico contra o Goiás, na minha concepção foi a pior partida realizada pelo Dragão. Esperava-se um jogo equilibrado, mas não foi. O time da Campininha começou ganhando, mas permitiu a virada esmeraldina. E uma virada com muito merecimento, diga-se de passagem. Entretanto, os outros cinco jogos realizados pelo Atlético, o time desempenhou um bom futebol, mas não conseguiu vencer. Com isso, fico me perguntando: O que está faltando ao nosso Atlético para desencantar no Brasileirão?
Quando o Atlético conseguiu o acesso, muito se dizia que o time não conseguiria se manter na elite, seria uma espécie de bate-volta, ou melhor, sobe-desce. Contudo, tendo em vista, o amplo crescimento da equipe nos últimos cinco anos, tinha e ainda tenho uma opinião mais otimista com relação ao Rubro-Negro goiano. Penso que o Dragão está intimidado, com a série de prestígio do Nacional por isso de certa forma desempenha bons jogos, mas não consegue vencer. Entretanto, se as vitórias não começarem a acontecer... É uma possibilidade da resposta do questionamento proposto por mim, entretanto, acredito ser uma resposta meio vaga, creio que não vou conseguir responder a questão adequadamente, por isso, meus amigos, peço a ajuda de vocês para juntos descobrirmos o que está acontecendo com o Atlético. Enquanto isso me arrisco em outra possibilidade.
Será que Juninho, Robston, Marcão, dentre outros, são jogadores que jogam apenas na série B? Momentaneamente tais atletas não tiveram boas atuações, assim esse tipo de questionamento se torna inevitável e nos parece que não é apenas mistificação o fato de determinados jogadores só jogarem em determinadas equipes ou séries do Nacional. O franzininho Juninho tirava o sono dos zagueiros adversários na série B; era cada jogada, era cada gol. Agora, o mínimo que ele tem feito é tirar o sono dos torcedores atleticanos de tão enervados que eles devem ficar ao ver as atuações medíocres do atacante. E para quem pensava que o Marcão seria a solução, só está sendo mais uma desilusão. Que insatisfação! O Robston é um dos principais atletas do Atlético, entretanto, ele está inibido/escondido em campo e isso tem prejudicado e muito a equipe. Robston teve fundamental importância no acesso do Dragão; foi o craque do Goianão, mas no Brasileirão, até então é só decepção. Ele, como já escrevi em outro texto tem sido o coração do Dragão e se o coração não vai bem... Hum..., amigos, o mau funcionamento do coração do Dragão, parece ser uma boa possibilidade de resposta para o questionamento em questão. Vocês concordam comigo?
Para finalizar, clamo aos torcedores atleticanos, assim como clamei outrora os torcedores colorados a carregarem a bandeira do otimismo, vez que a situação do Dragão poderia ser pior, estar segurando a lanterna sem ter nenhum ponto. Otimismo sempre e sempre.

P.s.: ao assistir o jogo entre Grêmio Prudente e Atlético fiquei meio que desconsolada, ao ouvir a colocação do locutor esportivo(creio que faz parte da imprensa paulista) com relação aos nossos times goianos. Ele ressaltou a péssima campanha das equipes goianas em suas respectivas séries. Que vergonha! Entretanto, o Goiás fez bonito ao desbancar o poderoso São Paulo e sair da temida e humilhante zona de rebaixamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

sexta-feira, 4 de junho de 2010

O que está faltando ao nosso Atlético?

É decepcionante ver o nosso Atlético na última colocação do Brasileirão. O time não é dos piores, conta com bons valores, a começar com um técnico de peso, aliás, literalmente bem pesado(como está pançudo o Geninho). Entretanto, o time não conseguiu uma simples vitória se quer, apenas um frustrante empate com o Grêmio em casa.
No clássico contra o Goiás, na minha concepção foi a pior partida realizada pelo Dragão. Esperava-se um jogo equilibrado, mas não foi. O time da Campininha começou ganhando, mas permitiu a virada esmeraldina. E uma virada com muito merecimento, diga-se de passagem. Entretanto, os outros cinco jogos realizados pelo Atlético, o time desempenhou um bom futebol, mas não conseguiu vencer. Com isso, fico me perguntando: O que está faltando ao nosso Atlético para desencantar no Brasileirão?
Quando o Atlético conseguiu o acesso, muito se dizia que o time não conseguiria se manter na elite, seria uma espécie de bate-volta, ou melhor, sobe-desce. Contudo, tendo em vista, o amplo crescimento da equipe nos últimos cinco anos, tinha e ainda tenho uma opinião mais otimista com relação ao Rubro-Negro goiano. Penso que o Dragão está intimidado, com a série de prestígio do Nacional por isso de certa forma desempenha bons jogos, mas não consegue vencer. Entretanto, se as vitórias não começarem a acontecer... É uma possibilidade da resposta do questionamento proposto por mim, entretanto, acredito ser uma resposta meio vaga, creio que não vou conseguir responder a questão adequadamente, por isso, meus amigos, peço a ajuda de vocês para juntos descobrirmos o que está acontecendo com o Atlético. Enquanto isso me arrisco em outra possibilidade.
Será que Juninho, Robston, Marcão, dentre outros, são jogadores que jogam apenas na série B? Momentaneamente tais atletas não tiveram boas atuações, assim esse tipo de questionamento se torna inevitável e nos parece que não é apenas mistificação o fato de determinados jogadores só jogarem em determinadas equipes ou séries do Nacional. O franzininho Juninho tirava o sono dos zagueiros adversários na série B; era cada jogada, era cada gol. Agora, o mínimo que ele tem feito é tirar o sono dos torcedores atleticanos de tão enervados que eles devem ficar ao ver as atuações medíocres do atacante. E para quem pensava que o Marcão seria a solução, só está sendo mais uma desilusão. Que insatisfação! O Robston é um dos principais atletas do Atlético, entretanto, ele está inibido/escondido em campo e isso tem prejudicado e muito a equipe. Robston teve fundamental importância no acesso do Dragão; foi o craque do Goianão, mas no Brasileirão, até então é só decepção. Ele, como já escrevi em outro texto tem sido o coração do Dragão e se o coração não vai bem... Hum..., amigos, o mau funcionamento do coração do Dragão, parece ser uma boa possibilidade de resposta para o questionamento em questão. Vocês concordam comigo?
Para finalizar, clamo aos torcedores atleticanos, assim como clamei outrora os torcedores colorados a carregarem a bandeira do otimismo, vez que a situação do Dragão poderia ser pior, estar segurando a lanterna sem ter nenhum ponto. Otimismo sempre e sempre.

P.s.: ao assistir o jogo entre Grêmio Prudente e Atlético fiquei meio que desconsolada, ao ouvir a colocação do locutor esportivo(creio que faz parte da imprensa paulista) com relação aos nossos times goianos. Ele ressaltou a péssima campanha das equipes goianas em suas respectivas séries. Que vergonha! Entretanto, o Goiás fez bonito ao desbancar o poderoso São Paulo e sair da temida e humilhante zona de rebaixamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário